logo

Setembro Amarelo: junte-se a nós nesta luta!

12 Set 2023 | 277 Visualizações | Campanha | por Diferro Aços Especiais

Setembro Amarelo: junte-se a nós nesta luta!

Pensar na saúde das pessoas faz parte do trabalho da Diferro.

Como empresa, nos preocupamos com o bem-estar das pessoas que trabalham conosco todos os dias,
bem como da sociedade como um todo, o que nos faz adotar ações em favor da saúde. 

Durante setembro não é diferente! A campanha nacional vinda de uma iniciativa entre a
Associação Brasileira de Psiquiatria e o Conselho Federal de Medicina, o Setembro Amarelo para
prevenção do suicídio, é acolhido pela Diferro e é dele que viemos falar hoje.

Siga a leitura e saiba mais!



Sobre o Setembro Amarelo
Em setembro, diversas entidades se movimentam para focar ainda mais no tópico de saúde mental,
trazendo diálogos e soluções para os números que espantam. Segundo a OMS, apesar de que,
no mundo todo, os números de suicídio vem decaindo, a América Latina está na contramão. 

Só no Brasil, com dados de 2022, os registros de suicídio se aproximam de 14 mil casos por ano, ou seja,
em média 38 pessoas cometem suicídio por dia. As idealizações suicidas vêm, na maioria dos casos,
de doenças mentais como a depressão, por exemplo. 

Por isso, é muito importante a atenção para pessoas que estão sofrendo destes distúrbios.
Ao apresentar tristeza intensa e profunda, perda de ânimo nas atividades do cotidiano que
antes causavam satisfação e uma baixa autoestima, não hesite em ajudar.



Como posso ajudar?
O respeito, a empatia e a presença constante na vida de pessoas em situações de sofrimento
mental e emocional é muito importante. Ser uma rede de apoio é fundamental para ajudar pessoas
que procuram ajuda após idealizar suicídio.

O ideal é sempre o encaminhamento para ajuda profissional de psicólogos e psiquiatras, mas o apoio
e acolhimento da família e amigos faz uma enorme diferença. Ninguém está sozinho e nesta luta
contra o suíciodio estamos todos juntos!

Ou, se é você que se encontra em uma situação delicada dessas, busque ajuda de pessoas de confiança.
Você pode entrar em contato com o CVV, o Centro de Valorização à Vida, pelo número 188.
Lá, voluntários podem ouvir e auxiliar você a todo momento. 

Apesar de parecer tabu, o suicídio e as doenças como depressão precisam ser falados, pois podem ocorrer
com qualquer pessoa. É essencial ouvir o próximo e ajudar nesta batalha





Nas redes da Diferro, você encontra mais dicas para lidar com estas situações e como buscar ajuda.
Novamente: você não está sozinho!

Não foi cadastrado nenhum comentário



Faça um comentário!

RECEBA NOVIDADES
EM SEU EMAIL